Bonita na crise #modavintage

Brechós fazem sucesso com peças de grifes nacionais e internacionais a preços acessíveis

11850910_10200680078160723_344006185_nEm tempos de crise, o consumo sustentável se faz necessário. Para continuar andando bonita, com roupas originais e sem gastar muito com os altos preços cobrados pelas lojas de grifes uma boa saída são os brechós. Em cinco anos, este segmento cresceu 210% no Brasil, segundo dados do Sebrae. Entre 2007 e 2012, passou de 3.691 para 11.469 pequenos negócios.

Para o Sebrae, este é um mercado de baixo risco e concorrência, com público bem diversificado e fiel. Além disso, o investimento inicial é relativamente baixo se comparado com outros segmentos do comércio varejista.

“Existem basicamente produtos seminovos, em ótimo estado de conservação, que são lavados e passados aqui em casa. Também tenho alguns produtos com etiqueta. Tudo depende do fornecedor. Mas, novos ou seminovos, são todos escolhidos a dedo com muito carinho e dedicação objetivando ter produtos diferenciados no brechó”, afirma Ana Cristina Vieira, proprietária do U-Óh! Brechó que será lançado esta semana.

Ela afirma que venderá de tudo no brechó. “Na maioria das vezes, são peças de roupas femininas, mas há roupas masculinas, infantis, acessórios e até brinquedos”, conta.

Belo Horizonte tem vários brechós muito bons principalmente na área da Savassi. Em breve, irei conhecer cada um e conto aqui no Dicas da Cabrita. Como diz a Ana, os brechós têm um significado especial. “São lugares mágicos, onde você vai sem criar expectativas e, de repente, se depara com um tesouro. Lugar de garimpo, de magia, de terapia”, afirma.

11830757_10200680077960718_332006034_n 11830910_10200680078440730_1959859027_n

O U-Óh! Brechó vai funcionar na rua Aimorés, 598. Bairro Funcionários. O atendimento é exclusivo e deve ser agendado pelo telefone 8729-0249 (por whatsapp ou ligação) e por inbox na página do Facebook. O lançamento será na sexta-feira, 14/08, às 20 horas, no Entre Folhas.