Festival Fartura transforma beagá na capital brasileira da gastronomia

Evento, que está em sua 2ª edição e será realizado em praça do Circuito Cultural da Praça da Liberdade, já entrou para o calendário gastronômico de Belo Horizonte

Entre os dias 3 e 4 de outubro, Belo Horizonte se transformará pela segunda vez na capital brasileira da gastronomia. Mais de 130 chefs e produtores de 15 estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal, estarão reunidos no Festival Fartura BH. O evento conta com espaços dedicados à venda de comida e bebida, cursos e degustações: serão mais de 100 atividades gastronômicas, além de vasta programação artística, com músicos de renome e grupos de arte cênica. A primeira edição, em 2014, reuniu 11 mil visitantes, em dois dias de festival.

De cada canto do Brasil. Do Pará, vem o brigadeiro feito com chocolate da Ilha do Combu, há 15 minutos de Belém. Dona Nena produz um chocolate 100% cacau, famoso entre os chefs brasileiros. A chef Ariani Malouf será a representante de Cuiabá, com o restaurante Mahalo, considerado o melhor da região Centro-Oeste. Outros grandes nomes representantes de seus estados são Manu Buffara (do restaurante Manu, de Curitiba, PR, que ganhou o prêmio de Restaurante do ano de 2015 pela Prazeres da Mesa), Talitha Barros (São Paulo, SP), Ivan Ralston (do Tuju, de São Paulo, SP, premiado com uma estrela no Guia Michelin Rio de Janeiro & São Paulo), Lia Quinderé (eleita a chef patissier 2014 e 2015 pela Prazeres da Mesa, da Sucré, Fortaleza, CE, considerada também a melhor doceria da capital cearense pela Veja Comer e Beber) entre outros.

Minas. Leo Paixão (Belo Horizonte), Tanea Romão (Tiradentes), Flávio Trombino (Belo Horizonte), Ari Kespers (Monte Verde/Camanducaia) e muitos outros chefs e produtores mineiros representarão o estado.

Lia Quinderé (2)
Chef Lia Quinderé. Foto: Assessoria / Divulgação

Expedição. Chefes, produtores e demais convidados que vêm ao Festival são identificados através da Expedição Fartura Gastronomia, uma viagem para o mapeamento da cadeia produtiva gastronômica brasileira. Para 2015, o Festival traz produtos de Norte a Sul do Brasil. De acordo com o diretor geral do evento, Rodrigo Ferraz, a proposta é mostrar a relevância cultural e econômica destes produtores e cozinheiros descobertos durante as viagens pelo país. A expedição já percorreu 21 estados brasileiros – mais o DF – passando por mais de 60 mil km. Nos quatro anos de pesquisa, já passou por 150 cidades e entrevistou aproximadamente 400 personagens da gastronomia brasileira.

Onde. O Fartura BH propõe a valorização da gastronomia nacional, com a união de chefs e produtores de vários estados brasileiros, resgatando o prazer de sentar à mesa e celebrar a gastronomia em um importante complexo cultural e arquitetônico de Belo Horizonte, a Praça José Mendes Júnior, no Circuito Cultural da Praça da Liberdade.

Atrações culturais. Além da gastronomia, a música também será celebrada no festival FARTURA BH. Nos dois dias, passarão pelo palco artistas como a banda Mustache e os Apaches, o bandolinista Hamilton de Hollanda e a cantora Céu. Além desses, Anelis e os amigos imaginários convidarão Arnaldo Antunes para tocar no palco do FARTURA BH. As artes cênicas também terão representantes, como a Cia. Calangus Circus e o Coletivo Nopok que apresentará o espetáculo “No Pocket – Um espetáculo para todos os bolsos”, utilizando as charlas clássicas, a música, a dança e a comédia física na criação de gags e cenas cômicas.

Ingressos. Os ingressos custam R$ 15,00 ou 5 Kg de alimento não perecível (menos fubá e sal) e podem ser trocados nos Supermercados Verdemar. O valor do ingresso e os alimentos serão doados ao Servas (Serviço Voluntário de Assistência Social).

Espaços. O Fartura BH contará com vários espaços gastronômicos dedicados à venda de comidas e bebidas, além de aulas e degustações.

Ari Kespers -Adriana Zutini
Chefe Ari Kespers. Foto: Adriana Zutini / Divulgação

Espaço Chefs e Restaurantes: O visitante poderá provar pratos de grandes chefs de diversos estados do país, feitos especialmente para o evento. Dividirão o espaço Manu Burrafa (Curitiba, PR), Talitha Barros (São Paulo, SP), Onildo Rocha (João Pessoa, PB), entre outros.

Espaço Petiscos, Lanches e Doces: O diferencial é a apresentação de receitas que são referências para o seu local de origem como o brigadeiro de cacau da Ilha de Combu (Belém, PA) que estará ao lado da tapioca de carne de sol com queijo coalho, do Centro das Tapioqueiras (Fortaleza, CE), além de outros estabelecimentos de Belo Horizonte.

Espaço Produtos e Produtores: Espaço dedicado à comercialização de produtos típicos de Minas Gerais e diversas regiões do país, como os embutidos Santa Cecília (Cunha, SP) e as ovas de peixe Bottarga Gold (Itajaí, SC).

Espaço Cozinha ao Vivo: Este ambiente permite ao público acompanhar bem de perto a elaboração de receitas preparadas por grandes chefs como Paulo Machado, de Campo Grande, por exemplo, que ensinará a receita do arroz de carreteiro, e Flávio Trombino, de Belo Horizonte, que fará um prato bem mineiro, com pé de porco, galo caipira e língua bovina.

Conhecimento. Além de celebrada, a gastronomia deve ser multiplicada. Por isso, o evento promove oportunidades para troca de experiências e conhecimento em quatro espaços.

Chef Onildo Rocha6_Marco Pimentel
Chef Onildo Rocha. Foto: Marco Pimentel / Divulgação

Espaço Aulas Senac: No local chefs e profissionais que trabalham com gastronomia vão ministrar aulas teóricas abertas e gratuitas para o público, como Lenildo Lima, Presidente da Cajuespi de Teresina, PI que falará sobre derivados de caju.

Espaço Degustação Senac: Neste ambiente o público poderá conhecer os métodos de preparo e degustar pratos típicos de várias regiões do país. Entre os convidados estão Nazareno Alves do Ponto do Açaí, Belém, PA e Antônio Carlos Buna Ferreira, o “Buna” do Rancho do Buna de Atins, MA.

Espaços Interativos: Para que as pessoas possam colocar a “mão na massa” sob a orientação de profissionais da área, como a chef Lia Quinderé, de Fortaleza, CE e Samira Lyrio, de Belo Horizonte, MG.

PROGRAMAÇÃO FARTURA BH (Sujeita a alterações)

Espaço Chefs e Restaurantes:

– 68 La Pizzeria (Belo Horizonte, MG)
*Capeletti de carne de sol

– Ari Kespers / Provence Cottage & Bistrô (Monte Verde, MG)
*Arroz de cordeiro, rapadura, quiabo e mousse de banana da terra

– Guilherme Melo / Hermengarda (Belo Horizonte, MG)

– Caetano Sobrinho / A Favorita (Belo Horizonte, MG)
*Panturrilha de porco assada com arroz cozido no próprio caldo e folhas do quintal (couve, taioba e maria gondó)

– Clóvis Viana / Patuscada (Belo Horizonte, MG)
*Costelinha de porco assada, guisado de abóbora moranga, chuchu, quiabo e banana da terra, servida com purê de mandioca na manteiga de garrafa

– Tanea Romão / Kitanda Brasil (Tiradentes, MG)
* Língua em molho de cerveja preta com polenta de leite

– Felipe Schaedler / Banzeiro (Manaus, AM)
*Pato no tucupi com farofa crocante de farinha do Uarini

– Ariani Malouf / Mahalo (Cuiabá, MT)
*Costela bovina assada em baixa temperatura ao molho de goiabada, acompanhada de croqueta de mandioca com queijo meia cura, banana da terra caramelizada e farofa de pimenta de cheiro com quiabo e castanhas.

– Manu Buffara / Restaurante Manu (Curitiba, PR)
*Panelaço de siri, com pirão de farinha de mandioca e leite de coco caseiro.

– Talitha Barros / Conceição Discos & Comes (São Paulo, SP)

– Onildo Rocha / Casa Roccia (João Pessoa, PB)
* Arroz vermelho de cabrito, mascarpone do chef e picles de maxixe

– Ivan Ralston / Tuju (São Paulo , SP)
* Cronut de rabada, tutano e ora-pro-nobis
Espaço Petiscos, Lanches e Doces

-Lia Quinderé / Sucré (Fortaleza, CE)
*Sanduíche de cookies com sorvete

– Casa Cheia (Belo Horizonte, MG)
* Tulipinha crocante com molho de mostarda e mel

– Doce Meu (Belo Horizonte, MG)
*Coxinha de frango com requeijão

– Doce que seja doce (Belo Horizonte, MG)
*Bolo da Matilda

– Parrilla Los Hermanitos (Belo Horizonte, MG)
*Empanadas

– Café com Prosa (Entre Rios de Minas, MG)
*Empada de queijo

-Centro das Tapioqueiras (Fortaleza, CE)
*Tapioca de carne de sol com queijo coalho

-Dona Nena (Belém, PA)
*Brigadeiro de cacau da Ilha do Combu

-Glória Bar e Restaurante (Goiânia, GO)
*Rabada com agrião e pão de sal

– Roselanche (Barbacena, MG)
*Cigarrete
Produtos e Produtores

– Cimsal (Mossóro, RN)
*Flor de sal

– Bottarga Gold
*Botarga

– Balas de Banana de Antonina (Antonina, PR)
*Balas de banana

– Salumifício Santa Sicília (Cunha, SP)
*Embutidos

– Engenho São Lourenço (Água Branca, AL)
*Rapadura, alfenin, açúcar mascavo (derivados da cana)

– Império Doce (Teresina, PI)
*Derivados de caju

Espaço Cozinha ao Vivo:

– Flávio Trombino / Restaurante Xapuri (Belo Horizonte, MG)
*Galo Pé

– Antônio e Buna / Restaurante Camarão do Antônio (Canto do Atins, MA)
* Camarão na brasa

– Ivo Faria / Vecchio Sogno (Belo Horizonte, MG)
*Cassoulet Mineiro

– Paulo Machado / Instituto Paulo Machado (Campo Grande, MS)
*Arroz de carreteiro

– Rodrigo Zarife / Ro.ZA Catering (Belo Horizonte, MG)
*Paella de frutos do mar

– Cozinha ao Vivo SADIA by Léo Paixão / Glouton (Belo Horizonte, MG)

Espaço Interativo Senac Norte:

– Tulio Montenegro / Chef Tulio (Belo Horizonte, MG)

– Lia Quinderé / Sucré Patisserie (Fortaleza, CE)

– Carlos Kristensen / Hashi (Porto Alegre, RS)

– Santo Motta / Dom Mani (Santarém, PA)

Espaço Interativo Senac Sul:

– Hendres Almeida / Gomide (Belo Horizonte, MG)

– Samira Lyrio / Restaurante Flores (Belo Horizonte, MG)

– Lucas Del Peloso / Villa Roberti (Belo Horizonte, MG)

– Julia Martins / Espaço Julia Martins (Belo Horizonte, MG)

– Bruna Teixeira / Birosca S2 (Belo Horizonte, MG)

– Pierre Sablish / Inka (Belo Horizonte, MG)

Espaço Degustação Senac

– Workshop NESCAFÉ Dolce Gusto Nestlé, com Felipe Brazza (Belo Horizonte, MG)

– Açaí com peixe frito e farinha de tapioca, com Nazareno Alves (Point do Açaí, Belém, PA)

– Risoto de tarioba, do Antônio Carlos Buna Ferreira (Rancho do Buna, Atins, MA)

– Entre a tradição e o novo, a boa comida, com Mara Salles (Tordesilhas, São Paulo, SP)

– Jacacurry: comendo jacaré, com Juliano Caldeira (Rima dos Sabores, Belo Horizonte, MG)
Espaço Aulas Senac

– Igarapé Bem Temperado, com Carlos Oliveira Stan e Maria do Sindicato (Igarapé Bem Temperado, Igarapé, MG)

– Projeto Sou da Favela, com Cris do Morro (Aproxima, Belo Horizonte, MG)

– Criatividade, com Dudu Obregon (Perestroika, Belo Horizonte, MG)

– Tudo de Caju, com Lenildo Lima (Cajuespi, Teresina, PI)
Programação musical:

ATRAÇÕES CULTURAISPALCO PRINCIPAL

Sábado, 03/10

13h – Túlio Araújo (MG)
14h30 – Mustache e os Apaches (SP)
16h – Hammond Grooves (SP)
17h30 – Anelis Assumpção e os Amigos imaginários (SP) convidam Arnaldo Antunes (SP)
19h30 –  O Som Quente é o das Neves (RJ)
 
**Entre as atrações se apresentarão os Dj’s:
 
Dj Zubreu – 12h às 14h30 – abertura e nos intervalos dos shows
Dj Aída – 15h30 às 19h30 – nos intervalos dos shows
DJ Marcelinho da Lua – 20h30 – encerramento do palco

Domingo, 04/10

13h – Coletivo A.N.A. (MG)
14h30 – Bardo e o Banjo (SP)
16h – Hamilton de Hollanda (RJ)
17h30 – Charlie e os Marretas (SP)
19h30 – Céu (SP)
 
**Entre as atrações se apresentarão os Dj’s:
 
Clube do LP – 12h às 14h30 – abertura e nos intervalos dos shows
Dj Thiagão – 15h30 às 19h30 – nos intervalos dos shows
Dj Guga de Castro – 20h30 – encerramento do palco

ESPAÇO CÊNICO

Sábado, 03/10
 
12h – Cia Calangus Circus (MG) – Panela Cheia
14h – Giramundo (MG) – Pedro e o Lobo
15h30 – Juarez Moreira (MG)
17h – Coletivo Nopok (RJ) – No Pocket
18h30 – Ricardo Schneider (MG)
 
**Entre as atrações se apresentarão os Dj’s:
 
DJ Luis Valente – 13h às 15h30 – nos intervalos das apresentações
DJ Fausto – 16h15 às 20h – nos intervalos das apresentações
DJ Kowalski – 20h – encerramento do palco
 
Domingo, 04/10
 
14h – Cia de Inventos (MG) – Marionetes a Fio
15h30 – Érika Machado (MG)
17h – Coletivo Nopok (RJ) – No Pocket
18h30 – Armatrux, a Banda (MG)
 
**Entre as atrações se apresentarão os Dj’s:
 
DJ Cateb – 13h às 15h30 – nos intervalos das apresentações
DJ Fael – 16h15 às 20h – nos intervalos das apresentações
DJ Deivid – 20h – encerramento do palco
 
Serviço:
 
Festival Fartura Belo Horizonte
Data: 03 e 04 de outubro
Local: Praça José Mendes Jr. (ao lado do Palácio da Liberdade)
Horários: sábado 12h às 22h
Domingo: 12h às 22h
Ingressos: R$ 15,00 (valor revertido para doação ao Servas) ou 5 Kg de alimento não perecível (menos fubá e sal). Troca nos Supermercados Verdemar (Lojas do Sion, Buritis e Raja Gabáglia) em Belo Horizonte.
fartura
 
(Via Assessoria de Comunicação)