Em silêncio: Big Ben ficará vários meses sem badalar

Ao final da obra, visitantes contarão com um elevador como alternativa aos 334 degraus

Pixabay/Divulgação
Pixabay/Divulgação

Quem for a Londres nos próximos meses não ouvirá as badaladas do Big Ben. Sério. O Parlamento britânico anunciou que o relógio mais famoso e a torre que o aloja passarão por reparos.  “O mecanismo do relógio ficará parado por vários meses para que sejam realizados trabalhos de manutenção essenciais”, declarou um porta-voz do Parlamento.

As obras custarão 29 milhões de libras (37 milhões de euros, 42 milhões de dólares) – imagina se fosse no Brasil – e a previsão é que demore três anos. Vale lembrar que a torre de 96 metros foi construída em 1856, logo todo reparo será bem vindo.

Novidade

A boa notícia para os turistas é  a instalação de um elevador para chegar ao topo da torre, assim não será mais necessário subir os 334 degraus. “Todos os dias nossa equipe de relojoeiros altamente qualificados cuida desta obra-prima vitoriana, mas para que o relógio siga funcionando temos que ter o tempo de inspecioná-lo detalhadamente e restaurá-lo”,  afirmou Steve Jaggs, responsável pelo cuidado do relógio.

Fonte: O Tempo

Em 2012 visitei o Big Ben, confira AQUI!