Krug Bier lança cerveja sem glúten e com menos calorias

“Submissão” é o mais novo lançamento da linha Expressionista da Krug

O quadro A Calúnia da Krug foi pintado em 2016, por Rafael Resende, artista mineiro. O quadro mostra oito personagens, que representam as oito cervejas da linha Expressionista.
O quadro A Calúnia da Krug foi pintado em 2016, por Rafael Resende, artista mineiro. O quadro mostra oito personagens, que representam as oito cervejas da linha Expressionista.

A Krug Bier acaba de lançar a sua mais nova cerveja: a “Submissão”, uma Session IPA com tamarindo e sem glúten. Como é uma session, ela possui baixo teor alcoólico, 3,9%, (e, logo, menos calorias). Por não ter glúten, ela pode ser consumida por quem tem restrições alimentares com relação à essa proteína. O IBU é 33.

Segundo Alfredo Figueiredo, sócio da Krug Bier, para a criação da nova bebida, a ideia foi ilustrar, de forma quase artística, com os ingredientes da bebida e com o produto final, a sensação de se estar submetido a algo, no caso, aos padrões de beleza e às dietas da moda.

O tamarindo, fruta exótica da Índia, deixa a acidez na medida e concede frescor à bebida, além das propriedades medicinais da fruta. A Submissão harmoniza bem com salada de folhas, sushis e burrata temperada com pimenta e limão.

Entenda a Linha Expressionista

Submissão é a sétima integrante da Linha Expressionista, composta por Calúnia, Inocência, Rancor, Remorso, Sarcasmo e Pretensão. Todas baseiam-se em diferentes comportamentos humanos.

O quadro ao lado mostra oito personagens, que representam as oito cervejas. (A Ignorância ainda não foi lançada!)

Calúnia

A Calúnia, de cor rosa, com uma língua de cobra, que tem inserções do animal pelo corpo, fala suas calúnias ao ouvido da Inocência, que presta atenção. Esta, por sua vez, de olhos vendados, nada enxerga, mas escuta as calúnias. A Inocência carrega na cabeça uma falsa auréola, e seu cabelo mostra duas pequenas mechas que remetem a dois chifres. O que se esconde por trás deste meio sorriso? E sua camisa abotoada até o pescoço? E suas asas angelicais, mas vermelhas? A resposta está na cerveja.

Ignorância e Inocência

A Calúnia coloca sua mão direita na Ignorância, num sinal que ela a calunia. Porém, a Ignorância é o único personagem que parece estar realmente feliz. Apesar da Calúnia estar caluniando a Ignorância para a Inocência, a Ignorância continua a beber feliz, sem se importar com os outros. A Ignorância está fora da trama e por isto se projeta à frente do quadro, ela não se preocupa com os outros, apenas com seu prazer, sem se submeter ao que os outros falam.

Remorso

Quem nunca falou ou fez algo de que se arrependesse? À exceção dos sociopatas, todos sentem isto com alguma frequência. A palavra remorso vem do latim “remorsus”, particípio passado de “remordere”, que significa tornar a morder. A pessoa com remorso se fere, se mutila, se tortura. Ele vem acompanhado de arrependimento e culpa. O Remorso, que é verde escuro, chora por algo que fez e se arrependeu, e carregando a culpa representada por uma bigorna sobre a cabeça. A bigorna é oca e emite alguns sinais cifrados.

Sarcasmo

O Sarcasmo, com um falso sorriso na boca, reconforta o Remorso, dando-lhe cerveja para suavizar sua dor. O sarcasmo começa com um sorriso, uma piadinha, visando eliminar o outro da sociedade. Estaria ele simulando uma ajuda sabendo que no dia seguinte o Remorso estaria mais abatido? As três figuras femininas se encontram do lado esquerdo do quadro. Elas parecem ser a mesma pessoa em momentos diferentes.

Rancor

O Rancor, com seus olhos vermelhos de raiva reprimida, encara a Submissão. O rancor não se manifesta no momento e guarda um veneno no coração. Ele é como uma pessoa que toma veneno para matar o outro, representado pelo cigarro que ela fuma.

Submissão

A Submissão, por sua vez, não se preocupa com nada a não ser em manter-se dentro das dietas da moda e ser admirada pelos outros. Ser magra, jovem, com barriga de tanquinho e conectada. A Submissão se coloca abaixo das outras figuras no quadro, pois sua vida depende do que os outros pensam dela.

Pretensão

No alto da tela está a Pretensão, uma mulher mais velha que pretende passar por nova. Aparentemente, ela seria a Submissão após os 40 anos. Ela se acha muito superior às outras figuras e, por isso, olha para outro lado desprezando todos os outros personagens.

A pretensão foi lançada recentemente no Parque Serra do Rola Moça.